Marketing Pessoal – Como Construir Sua Marca

Tempo de leitura: 12 minutos

Para começar, eu preciso te fazer uma pergunta: porque você quer fazer Marketing Pessoal? Neste artigo você terá a chance de entender sobre as ferramentas do mix de marketing para aplicar em seu projeto pessoal.

Se você quer construir a sua marca de alto impacto, você precisa ler este artigo.

Então, neste artigo você entender o que é importante:

  • Quem é o seu público alvo para construir sua marca;
  • Como as ferramentas do Mix de Marketing podem ser usadas na sua marca;
  • Os mandamentos do Marketing Pessoal;
  • Coisas que você precisa evitar;
  • Iniciativas para começar a desenvolver a sua marca pessoal;

Antes de conhecer mais a fundo sobre como fazer, você precisa entender alguns conceitos que irei descrever a seguir.

O conceito de Marketing é o conjunto de ações realizadas para satisfazer as necessidades e desejos do consumidor de forma lucrativa.

Se você quer fazer Marketing Pessoal, significa que você quer construir a sua imagem com alguma finalidade.

Mas, porque você quer construir essa imagem?

  • Você quer algum tipo de reconhecimento social?
  • Ou você quer vender algo a partir dessa imagem?

banner apresentação curso online Segmentação de Mercado

Construir uma marca própria, a sua marca pessoal, ou fazer Marketing Pessoal é algo muito poderoso e você precisa saber como fazer.

O caminho a ser percorrido para a construção desta imagem é exatamente o mesmo que para lançar um produto ou serviço no mercado.

Marketing Pessoal - Construindo a Sua Marca
Marketing Pessoal – Construindo a Sua Marca

Então, o primeiro passo é entender o seu objetivo para fazer Marketing Pessoal.

Quais são os motivos para construir a sua imagem?

  1. Você quer se manter empregado ou está a procura de um emprego?
  2. Você quer ampliar o seu círculo de contatos e clientes?
  3. Você quer se reinventar, e não tem um objetivo bem definido?

Quem são as pessoas que vão “consumir” as suas informações e sua nova imagem?

  1. São seus amigos e conhecidos da sua rede de contatos atual?

    • O seu ciclo atual já possui uma imagem de você, por isso é importante fazer uma breve pesquisa de como as pessoas veem você;
    • Esta pesquisa é importante pois será o ponto de partida para a construção de uma nova identidade;
    • Aplique o questionário que montei no final deste artigo;
  2. São pessoas que ainda não te conhecem e que fazem parte do seu novo objetivo?

    • Será um longo caminho a ser percorrido até que os seus objetivos sejam atendidos.

A partir do questionário que você irá aplicar com seus conhecidos, você terá condições de saber qual a imagem que as pessoas fazem de você.

Você terá:

  • Respostas de como as pessoas te compreendem;
  • O que eles falam sobre as suas qualidades e defeitos;
  • O que pensam de você;
  • Em quais ocasiões acreditam que podem contar com você;

Em linhas gerais você vai descobrir o seu posicionamento e sua identidade perante seus amigos.

É muito mais difícil modificar a imagem que as pessoas já têm de você do que iniciar uma relação com um novo público.

Uma identidade de marca conhecida e bem definida irá ajudá-lo a construir uma marca muito mais sólida e produtiva para seus objetivos.

O seu Marketing Pessoal poderá ser melhor trabalhado se:

  1. Você saber o objetivo de construir a sua marca;

  2. Se você levar a sério onde você quer chegar;

  3. Se você se dedicar para construir a sua autoridade;

A autoridade virá com o tempo, pois a sua estratégia de construir uma imagem perante um público que não te conhece exigirá conteúdo relevante.

Conteúdo relevante significa, que as pessoas que serão alvo de suas ações, precisam entender os seus objetivos e principalmente a imagem de personalidade que você quer transmitir.

Marketing Pessoal - Construindo a Sua Marca
Marketing Pessoal – Construindo a Sua Marca

Depois que você entender a sua imagem junto aos mais próximos, é hora de relacionar a distância existente entre a realidade que você descobriu e a nova realidade que você quer construir.

Leia também: Projeto Empreendedor – Marcas que vendem


Essa diferença entre quem você É e quem você QUER SER é o caminho que iremos construir através de ações e de sua nova postura.

É muito mais fácil construir uma identidade, ou o seu Marketing Pessoal, usando suas características puras.

Você pode inventar uma nova forma de ser, mas a sua real personalidade estará sempre pondo à prova a tentativa de mudança:

Seja você mesmo, e reforce o que você tem de melhor: tenha calma, seja honesto e objetivo;

Com o posicionamento, que é como você se porta neste novo ciclo de correspondências com outras pessoas você poderá trabalhar seu Marketing.

Isto é, você poderá empregar as ferramentas do Mix de Marketing.

As ferramentas do Mix de Marketing, os conhecidos 4P´s:

  1. Produto: é o que traz valor para as pessoas, o que as pessoas valorizam em você e porque querem seguir você;

  2. Promoção: é como você irá se apresentar perante esta audiência;

  3. Praça: é como as pessoas terão acesso a você, se pessoal, se online, se através de aparições ao vivo em redes sociais;

  4. Preço: é quanto as pessoas estarão dispostas a “pagar” pelos contatos e experiências que você irá trazer;

Você irá construir uma boa marca, irá fazer o seu Marketing Pessoal, desde que:

Use sua capacidade de informar, esclarecer e influenciar pessoas para seus objetivos.

Tenha cuidado com o não autêntico e duvidoso, pois se você não agir de forma natural, isso será percebido.

Bons produtos se vendem sozinhos.

Leia também: O que fazer para ganhar dinheiro


Se você estiver atrás de uma boa reputação profissional, você precisa se conhecer e ser autêntico.

Há público para tudo! Mas após selecionar o seu público, você irá precisar ser único.

Fatalmente, em qualquer comunidade, você será rotulado.

Marketing Pessoal - A Sua Imagem
Marketing Pessoal – A Sua Imagem

As pessoas vão criar um pré-conceito sobre você, então o uso das ferramentas do Mix de Marketing, serão determinantes para que esta rotulagem seja a que você quer.

Mandamentos para desenvolver seu Marketing Pessoal:

  1. Capacidade de comunicação

    • Você PRECISA saber ler, escrever e falar bem a sua língua, no caso o português;
    • Você vai melhorar sua capacidade de comunicação estudando, lendo e escrevendo;
  2. Postura profissional adequada

    • Entenda que ser divertido é bacana, mas cuidado para não se tornar chato ou inconveniente;
    • Pergunte para as pessoas caso você tenha dúvida em relação a uma postura errada e peça desculpas caso seja necessário;
  3. Aparência e apresentação

    • Infelizmente, você terá que cuidar da sua aparência, as pessoas são muito materialistas, ninguém quer fazer negócios com “desleixados”;
    • Pergunte para a sua audiência, de forma individualizada, se você está apresentável, ouça e aplique as dicas;
  4. Criatividade

    • Ser criativo, o torna interessante. Sua audiência está ávida por novidades, trazer coisas diferentes engaja seu público;
    • Comentários, compartilhamentos e curtidas são sinais de que as pessoas se preocupam e se importam com você;
  5. Demonstre resultados obtidos

    • Gerar resultados e mostrá-los para sua audiência devem ser tratados como utilidade e como exemplos positivos para eles;
    • Cuidado para não parecer um “vendedor de sonhos” ou um “exibido” com essas iniciativas, lembre-se traga algo útil que as pessoas irão valorizar;
  6. Capacidade de relacionamento

    • Saber se relacionar com os diferentes públicos em ocasiões diferentes te tornam agradável e importante nos ciclos de convivência;
    • As pessoas vão querer sua presença sempre que possível;

banner apresentando artigo Dicas para empreendedores - com a foto de um homem de costas olhando para o horizonte

Coisas que você precisa evitar a todo custo, e que podem prejudicar a sua imagem:

  1. Exposição desnecessária ou polêmicas em redes sociais

    • Pequenas atitudes em redes sociais podem destruir todo o trabalho de desenvolvimento da sua imagem, caso tornem-se algo viral;
  2. Ser “puxa saco” de alguém de forma visível

    • Você pode gostar de alguém, curtir estar com a pessoa, mas você também precisa ter a sua opinião, e ela será às vezes diferente;
  3. Querer vender o tempo todo para sua audiência

    • Você querer vender uma ideia ou um projeto para sua audiência é ótimo, mas não deixe que esse objetivo pareça ser o principal motivo de você estar convivendo no meio;

Hoje em dia, construir uma boa imagem profissional exige multi-disciplina, isto é, um conhecimento amplo e genérico sobre cultura geral.

Mesmo com um bom Marketing Pessoal, nada será estável para sempre.

banner de apresentação do curso 38 lições para ter sucesso

Lembre-se que você como marca é um “produto”, e os produtos precisam ser reinventados e atualizados.

Novos “produtos” tornam-se mais interessantes na medida do tempo, e cuidado com produtos substitutos, aqueles que podem substituir você.

Se você perder o emprego ou fechar uma empresa, você não é um coitado, você precisa entender que mudanças são importantes e que ao construir a sua audiência você terá o apoio destes seguidores.

Não desista do seu marketing pessoal

Ao perder um emprego ou fechar uma empresa, muitas pessoas, desistem do seu Marketing Pessoal, e desistir do seu próprio produto é péssimo.

Eu entendo que os sentimentos podem ficar abalados com estas surpresas que a vida nos reserva, mas lembre-se que você não está sozinho.

Marketing Pessoal - Relançando Seu Produto
Marketing Pessoal – Relançando Seu Produto

Crie um relançamento para o seu produto, se desafie, provoque novas chances para seu produto, e se reinvente, tenho certeza que seus seguidores, seu público cativo irá adorar suas novidades.

Marketing Pessoal não se trata de dizer as pessoas quem você é, trata-se de saber como as pessoas veem você.

Se você tiver uma audiência representativa, não se importe em mostrar como eles são importantes para você, ter sucesso no Brasil, é visto muitas vezes como algo ruim.

Entenda a sua imagem e trabalhe as ferramentas do mix de marketing para construir sua autoridade.

Banner com a descrição do curso Promoção de Vendas de Rodrigo Miranda

Seja o vencedor de si mesmo, você merece e não precisa dar explicações para ninguém.

Falando de Brasil, o brasileiro mistura o profissional com o pessoal com facilidade, e atitudes de outras pessoas, podem parecer uma traição em alguns momentos, mas não é.

Leia também: características de um empreendedor nato


Iniciativas para desenvolver o seu marketing pessoal e explorar as ferramentas do mix de marketing

Agora que você já entendeu que o Marketing Pessoal trata de sua própria imagem e como as pessoas te veem, eu gostaria de propor algumas iniciativas para você começar o desenvolvimento da sua marca:

  1. Faça um perfil no Linkedin;
  2. Faça um perfil profissional no Facebook;
  3. Faça um perfil profissional no Twitter;
  4. Faça um site em WordPress para apresentar seus projetos para sua audiência;
  5. Publique no Pinterest;
  6. Crie um canal no Youtube;
  7. Crie um instagram;
  8. Faça cursos online; [ conheça a plataforma de cursos Udemy ]
  9. Faça cursos de dicção e oratória;
  10. Seja pontual em seus compromissos;
  11. Participe ativamente de sua comunidade;
  12. Veja menos televisão, use menos o whatsapp, trabalhe com intensidade em busca de seus objetivos;

Estas são iniciativas que estão alinhadas a construção de audiência e autoridade.

Se você trabalha com marketing multi-nível esse artigo é muito relevante.

Escrevi um artigo sobre este tema, que você pode conferir no link: Empreendedor Hinode – como construir a sua rede

Considerações complementares e conclusivas

A evolução da sua comunidade de seguidores levará tempo, uma audiência bem trabalhada irá levar alguns anos para ser de fato relevante, mas não se preocupe com isso.

Quando maior a sua audiência, maior será sua autoridade e mais valor terá a sua marca pessoal.

Ter uma comunidade fiel e que te segue é um ativo, e um ativo é um patrimônio.

Trabalhe seu Marketing Pessoal, isso vai valer a pena um dia.

Espero que tenha gostado das dicas que descrevi neste artigo, e ficarei contente caso você queira complementar com suas dúvidas e sugestões.

Um abraço, Rodrigo.

Questionário para aplicação de sua identidade de marca.

Este questionário deverá ser usado com o seu ciclo de contatos, pessoas que já possuem uma imagem de você.

O ideal é que você peça ajuda para um amigo, para que esta outra pessoa aplique o questionário, desta forma as respostas podem ser mais sinceras.

Peça que o respondente seja o mais honesto possível e que o aplicador não inclua nas respostas o nome de quem respondeu, assim o respondente ficará anônimo e as respostas serão mais confiáveis e sinceras.

  1. Você conhece [ seu nome ] (  ) Sim  (  ) Não
  2. Qual a primeira palavra que vem à sua cabeça quando você lembra de [ seu nome ]
  3. Como você descreve seu amigo (a) [ seu nome ]
  4. Quais são as maiores qualidades de [ seu nome ]
  5. Quais são os defeitos de [ seu nome ]
  6. Me cite algo único de [ seu nome ]
  7. Que tipo de emoções seu amigo (a) [ seu nome ] transmite para as pessoas que gostam dela?
  8. Que tipo de emoções seu amigo (a) [ seu nome ] transmite para as pessoas que não gostam dela?
  9. Se o seu amigo (a) [ seu nome ] fosse uma empresa, que empresa seria?
  10. Se o seu amigo (a) [ seu nome ] fosse uma empresa, que tipo de problema da sua comunidade ela ajudaria a resolver?
  11. Que tipo de animal seu amigo (a) [ seu nome ] representa e porque?
  12. Que cor combina com seu amigo (a) [ seu nome ] e porque?
  13. No futuro, como estará seu amigo (a) [ seu nome ]
  14. Que tipo de música combina com seu amigo (a) [ seu nome ]

O ideal é conseguir um número acima de 100 questionários preenchidos, desta forma você terá muito material para analisar e utilizar as informações coletadas para construir sua imagem atual.

Cartão com chamada de clique para acesso aos cursos online de Rodrigo Miranda e foto de palestra de empreendedorismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 + 8 =